Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

pólo sul

pólo sul

Ter | 21.11.06

[42] Virar

polosul

 

Em finais de 1980, num bairro de esquinas pintadas a sépia, de ruas esburacadas e tempos lentos, pólo sul escreveu:

 

Tu vias.

Com um olhar reparavas que falava em esperança com um sorriso que não enganava.

 

Tu compreendias.

Sou um passeio matinal numa rua direita, em visita a um hospital.

 

Tu sabias.

A vida sempre igual num bairro desigual a consumir-me de um mal.

 

Tu falaste comigo.

Amigo, disseste tu, vem comigo, convidavas, vamos passear, insistias.

 

E eu acreditei.

Deitei tudo fora e mudei.

 

Hoje, em Novembro de 2006, inicia-se uma viragem. Não muda, vai virar noutra direcção, sempre a sul.

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.